Freitag, 11. Juni 2010

Sapatinho de Bebe - Novo Modelo com Gráfico e PAP/Passo a passo


Verde e luminosa - Bons Fluidos



http://bonsfluidos.abril.com.br

Verde e luminosa


Encravada na metrópole, esta morada — antes um robusto chalé de madeira — ganhou suavidade ao ser tingida de branco e adquirir espaços abertos para um exuberante jardim povoado de anjos, budas e cristais, que a envolvem com boas vibrações.
Texto • Maggi Krause
Direção de arte • Camilla Sola
Fotos • Lucia Loeb
Designer • Luciana Giammarino
Basta ultrapassar o portão e dar algumas dezenas de passos para deixar lá atrás a confusão e o trânsito de São Paulo e se sentir com humor revigorado. Diante da porta de entrada, dois caminhos: um deles é a escada de pedra que desce direto para o jardim, onde a piscina em forma de gota refresca os olhares; quem opta pelo outro caminho entra na moradia e aprecia a mesma paisagem por meio do enorme painel de vidro da sala — o verde de árvores e folhagens, o azul da água e o skyline da cidade. No final da tarde, se admira dali um belo pôr do sol. “O horizonte ao longe e esta vista da natureza me trazem paz. Aqui relaxo, respiro, descanso”, conta a proprietária, que no início utilizava o imóvel apenas como consultório — hoje ele ocupa a parte de baixo da construção, junto de seu home office. “Quando o comprei, era um chalé pré-fabricado de madeira, escuro como uma caverna”, relembra. Depois de se mudar definitivamente para o endereço, começou a planejar a reforma, que incorporou a varanda ao restante da casa, fazendo crescer todos os ambientes. “Moro sozinha, mas gosto de espaços amplos. Passo horas lendo na sala, no quarto, no terraço”, diz ela, que acorda todas as manhãs com o barulho dos passarinhos. Uma das estratégias para deixar tudo mais leve foi a pintura branca, que começou pelas colunas e subiu para o teto, iluminando toda a construção. “Acho que já temos muitos estímulos visuais na cidade, e sinto que o branco descansa bastante o olhar”, nota a moradora. As paredes claras também expõem com elegância alguns quadros e gravuras de artistas contemporâneos, como Célia Euvaldo, Marcos Coelho Benjamin e Tomie Ohtake.

Estilo renovado
A decoração moderna e em tons sóbrios foi eleita de propósito para não ofuscar as obras de arte e a mirada do jardim. Além disso, não briga com o desenho anterior da casa, com elementos tradicionais e até rebuscados, como vitrais e volutas. “A ideia era interferir o menos possível na construção, por ser um sólido chalé de madeira de lei. E eu queria que a arquitetura nova ficasse justaposta à antiga, sem escondê-la”, conta André Leirner, arquiteto responsável pela reforma, que durou cerca de um ano e deixou a casa mais ampla e arejada. Para manter as colunas torneadas — estavam bastante tortas por causa do desnível e do tempo (a casa é de 1975!) —, a solução foi emoldurá-las em caixilhos de madeira de desenho limpo, que também arrematam os vidros. “Eliminar a parede entre a sala e a varanda aumentou o ambiente e trouxe para dentro a luz natural e o verde do exterior”, conta André, que também clareou o piso original de madeira, atualizando o visual. No lado de fora, ele projetou um banco que ladeia toda a varanda — tanto na parte envidraçada quanto na aberta — e serve de guarda-corpo e aparador. Essa área da casa só fica movimentada quando a proprietária recebe os filhos e as netas para os almoços de domingo. Enquanto os adultos conversam, as crianças aproveitam para fazer uma espécie de circuito de ida e volta para o jardim, descendo e subindo por duas escadas de pedra, uma em cada ponta da varanda. Toda a nova organização dos espaços faz a energia circular e fluir. “Também credito essa boa vibração ao Vicente Pequeno, meu mestre de obras, que trabalhava assoviando e me ajudou a solucionar muitos problemas”, rememora André, apontando para a escada — antes tortuosa e desalinhada — que Vicente reformou. Com paciência, o profissional foi recolocando pedra por pedra, num primoroso trabalho de cantaria. Nas conversas com a proprietária e com Vicente apareceram novas ideias, como a de construir uma bancada de trabalho junto ao muro já existente e ampliar a cozinha para o lado de fora, agora protegida por uma cobertura de policarbonato e metal que deixa passar ventilação e luz natural. “Virou o recanto preferido da minha cozinheira, que só sabe fazer o almoço lá”, conta a dona. O leão de pedra na parede tomada por unha-de-gato era original, já os ladrilhos hidráulicos escolhidos pelo arquiteto resgatam o ar de antigo casarão.

Abençoada pela natureza - Reportagem fotográfica • Henrique Morais - Bons Fluidos





http://bonsfluidos.abril.com.br


Abençoada pela natureza
Direção de arte • Camilla Sola
Texto • Raphaela de Campos Mello
Fotos • Célia Mary Weiss
Reportagem fotográfica • Henrique Morais
Enfeites, potes e vasos artesanais, com destaque para uma madona barroca, escoltada por dois vasos de orquídeas brancas, denunciam admiração pelo artesanato brasileiro. “Quando vou ao Nordeste, me alimento direto da fonte ”, confirma. Como boa libriana, a anfitriã aprecia a beleza e faz questão de mantê-la por perto. Para tanto, investe nos detalhes. “Toda mesa que se preze tem que ter um vaso florido”, ela bate o pé. “Já a comida nem precisa ser tão boa”. Mesmo no dia a dia, Clodine faz questão de usar louças e utensílios de primeira linha. Sua teoria é simples: “As visitas merecem comer numa mesa linda. E eu também”. Manter a estética e o astral da residência nas alturas é algo natural para esta acriana cheia de energia. No entanto, em alguns momentos, o cansaço emerge. “Nessas horas, digo que vou vender a casa”, ela conta rindo, pois sabe que não conseguiria levar a ideia adiante.

Pudera, a residência dos Rodrigues é um ninho caloroso e festeiro como a própria família. “Fazemos festa para tudo”, diz. Ali foram realizados os casamentos dos dois filhos, os cantores Jair Oliveira e Luciana Mello, bem como o aniversário da neta Isabela. Em breve, Nina, de seis meses, será a próxima a ganhar seu dia. A avó coruja, que admite rolar no chão com as pequenas, quer mais é ver o lar infestado de alegria e bagunça. Afinal, segundo ela, em casa de avó, tudo é permitido.


“Tenho uma relação sentimental com as plantas. Fico triste quando elas morrem. Em compensação, quando renascem, me encho de alegria”,
Uma dose de verde e lá se vai o mau-humor. No projeto da paisagista Caterina Poli, de São Paulo, o banco convida a desfrutar os prazeres de um jardim que se encontra nos fundos da casa. Vasinhos de ervas completam o ambiente com vivacidade

Pontos de água são importantes elementos para o bem-estar e a tranquilidade. Pensando nisso, Caterina Poli criou, no meio de trepadeiras, marias-sem-vergonha e lavandas, pequenas fontes que deságuam em um tanque.

Para montar um jardim estilizado não são necessárias inúmeras plantas e vasos. No corredor de uma pequena varanda, a paisagista Paula Galbi, de São Paulo, usou esculturas de flores de cerâmica que simulam e representam as diversas formas do verde.

Os vasos coloridos estimulam a percepção de cores; lavandas e ervas despertam o olfato. O critério de Paula Galbi foi estipulado pelos donos, que queriam aproveitar a varanda com o mais novo membro da casa.
Clodine Mello Rodrigues

Cabelo quase ao natural - Boa Forma

http://boaforma.abril.com.br

Cabelo quase ao natural
Por Simone Ota



Para curtir os dias quentes, nada melhor do que passar a impressão de que você não teve um pingo de trabalho com os fios, mesmo que tenha levado alguns minutos preciosos para preparar o visual (ninguém precisa saber!). A dica vale tanto para o corte quanto para a cor e o penteado. Quem ensina são os hairstylists Wanderley Nunes e Eron Araújo, do salão Studio W Iguatemi, em São Paulo
1. Loira-sensação

Uma aparência dessas é conseguida com muitas luzes – e de muitos tons! O corte com ar de que o cabelo está perdendo o corte (mas de um jeito bonito) também é friamente calculado. Acompanhe:

COR
São três tons de mechas: loiro-claríssimo, loiro-dourado e platinado, que foram intercalados ao longo de todo o cabelo. Esse mesclado é o que confere naturalidade semelhante aos das loiras in natura.

CORTE
O comprimento na altura do ombro é o que os experts chamam de novo longo. Já o ar de anos 1980 é dado pelo repicado em camadas largas a partir da franja – que, para ficar charmosa, tem que cobrir os olhos. A base reta deixou o look mais moderno.

PENTEADO
Alise a franja e amasse o comprimento com as mãos e uma bola de ousse enquanto vai secando com difusor. Só evite mexer demais o aparelho para o cabelo não ficar volumoso além da conta.

Barbara Larsson (Ford Models) usa colar Rock’n’Roll de Jack Vartanian, regata Calvin Klein e sutiã Nymphe





2. Pura sedução


Soltinho, cheio de balanço, brilhante, sedutor. Quem não quer um cabelo com todos esses adjetivos e aspecto de comercial de xampu? Pois saiba como conseguir:

COR
O castanho-médio ganha pontos por ter uma pegada natural. Para quem está à procura de praticidade, é uma das melhores opções, pois o mesmo tonalizante é aplicado da raiz às pontas.

CORTE
A leveza e a ondulação são dadas pelo repicado em camadas longas, pela base levemente arredondada e pelas pontas picotadas. Vale lembrar que a franja não deve ficar acima do nariz.

PENTEADO
Faça uma escova rápida, sem alisar demais, e modele o comprimento com babyliss largo, para evitar o visual chapado, que não combina nada com o verão.

Janaina Heglin (Ford Models) usa brincos Noia Carolina e vestido Bebesh.





3. Surfista chic


Esta é uma releitura das mechas californianas, em que as pontas são muito mais claras do que a raiz. O comprimento longo faz parecer que você realmente passou uma boa temporada na praia. Veja como chegar lá:

COR
A base loiro-escura é quebrada delicadamente com as luzes que vão clareando
à medida que se aproximam das pontas. O segredo desse efeito é deixar o descolorante
por um tempo maior onde você deseja fios mais dourados.

CORTE
Para dar a impressão de que o cabelo cresceu, o repicado longo com uma franja abaixo do queixo é o que há de melhor. A base arredondada e as pontas picotadas deixam o look leve.

PENTEADO
O volume sutil no topo da cabeça é feito com secador e uma escova maior do que a usada no comprimento, que ganha um pouco de babyliss largo para ficar ondulado.

Rayana Breda (Mega).




4. Cheia de charme


Olhando esse cabelo nem dá para imaginar que, para ficar lindo assim, ele exige cuidados extras, como fazer escova e manter o corte em dia. Repare nos detalhes:

COR
O castanho-claro tem um brilho tão especial que tira a monotonia típica de quando se usa uma cor só. As luzes fininhas, como se tivessem sido produzidas pelo sol, aparecem conforme você mexe a cabeça.

CORTE
O movimento é dado pela frente um pouco mais longa do que a parte de trás e pela nuca batida. O comprimento é todo desfiadocom navalha e a franja em diagonal acompanha as linhas arredondadas do corte. E atenção: as laterais têm que ser mais desconectadas para equilibrar o volume com o topo.

PENTEADO
É preciso secar com uma escova grande e virar as pontas para baixo. Nunca use escova pequena, que deixa o visual arrumadinho demais.

Helena (Ten Models) usa vestido Alphorria.





5. Tipo exportação


Para o platinado não parecer falso, é preciso escolher um ótimo cabeleireiro. O profissional tem que ser fera em descoloração. Caso contrário, você corre o risco de ficar com o cabelo ressecado e quebradiço. Olha só como fazer:

COR
Primeiro, é necessário descolorir toda a cabeça para, em seguida, aplicar a tintura platinada – senão o cabelo fica amarelo! Antes de aderir, pense se está a fim de ir de 15 em 15 dias ao salão, porque raiz escura aparecendo detona o look.

CORTE
Inspirado no visual da top model Agyness Deyn, os fios são desfiados com navalha. A franja e as costeletas são mais longas e caídas sobre o rosto, deixando o corte mais feminino.

PENTEADO
O bacana é secar de forma despojada, com o secador e as mãos, puxando as mechas para cima, para baixo e para os lados. Para valorizar as linhas do corte, passe um pouco de pomada à base de água na palma da mão, esfregue uma na outra e modele as pontinhas.

Marina Almeida (Ten Models) veste camisa Graça Ottoni.




6. 100% iluminada


Cabelo claro rejuvenesce,além de ser sexy.Melhor ainda se tiver movimento, o que exige um corte desconectado.Interessada? Confira:

COR
A raiz um pouco mais escura do que as pontas é visual típico de quem era loiríssima na infância e teve os fios queimados pelo sol ao longo da vida. Para copiar o efeito, aplique loiro-médio por toda a cabeça e depois faça dois tipos de luzes: dois tons acima (douradoclaro) e quatro tons acima (chamado de platinado) no contorno do rosto, na franja e nas pontinhas.

CORTE
Este caimento é conseguido com base reta, repicado somente nas pontas e com uma franja longa na altura do nariz. O visual funciona bem para quem gosta de mexer o cabelo ao longo do dia, dividindo-o ao meio ou jogando para a direita ou esquerda.

PENTEADO
Você pode secar ao natural e, depois, modelar da metade do comprimento para as pontas com um babyliss largo, fixando cada mecha por mais ou menos quatro segundos. Na sequência, solte os cachos com os dedos lambuzados com ativador de cacho.

Raquel Galvão (Ten).


Tropa de elite

http://elle.abril.com.br


Tropa de elite
O militarismo ganha as ruas com peças utilitárias e tons de oliva.

A história dos casacos de ombros quadrados, com corte masculino, começou no fim dos anos 1930, quando o único tecido abundante (e barato) era o rústico verdeoliva, usado na confecção de uniformes. Repaginado, ele ressurge glamouroso neste inverno, sem lembrar em nada os difíceis tempos da guerra. Coat-dresses, casacos de couro e vestidos com estampa camuflada (de lurex!) são a senha para você entrar na moda. Aliste-se agora!
Cate Blanchett encarna a durona em Indiana Jones 4






Tudo (re)começou com a Balmain no desfile de verão 2010. Na passarela, uma profusão de jaquetas cor de oliva e calças com bolsos utilitários. Em sintonia com o zeitgest fashion, Rag & Bone e Chris Benz seguiram a mesma trilha. No Brasil, Reinaldo Lourenço, Coven, Juliana Jabour, Cantão e Walter Rodrigues também marcharam em conjunto.





Bolsa de couro, Yumi & Prado, R$ 610.
* Preço pesquisado em fevereiro de 2010







Casaco de linho, Condotti, R$ 598.
* Preço pesquisado em fevereiro de 2010




Casaco de algodão, Shop 126, R$ 352.
* Preço pesquisado em fevereiro de 2010





Short de algodão, Lulu, R$ 140.
* Preço pesquisado em fevereiro de 2010






Bota de couro, Gucci, R$ 4 690.
* Preço pesquisado em fevereiro de 2010





Casaco, R$ 1,9 mil, e calça, R$ 1 899, ambos Reinaldo Lourenço.
* Preços pesquisados em fevereiro de 2010







Camisa devorê, Printing, R$ 756.
* Preço pesquisado em fevereiro de 2010


Espeical Dia dos Namorados - Poemas - First Love

São Valentim - Dia dos Namorados - Valentines day - Valentinstag






Dicas e idéias deliciosas para o dia de São Valentim!
Vamos namorar muitooooooo!!!!!!!!!!! rsrsrsrsr




















Fotos de encontros com namoradas virtuais é mania no Japão

http://3.bp.blogspot.com/_nqxO_TBjESQ/S3VEXqvJG8I/AAAAAAAADZ0/vtdX3YpzKHo/s1600-h/cho1.jpg"> id="BLOGGER_PHOTO_ID_5437327298519440322" style="DISPLAY: block; MARGIN: 0px auto 10px; WIDTH: 400px; CURSOR: hand; HEIGHT: 185px; TEXT-ALIGN: center" alt="" src="http://3.bp.blogspot.com/_nqxO_TBjESQ/S3VEXqvJG8I/AAAAAAAADZ0/vtdX3YpzKHo/s400/cho1.jpg" border="0" />Notícias / Internet - 06/01/2010
Os "namorados" mais atenciosos encheram os sites com fotos de ceias de Natal e Ano Novo ao lado das "garotas", que só existem em videogamesPor Época NEGÓCIOS Online
A nova tendência no Japão: postar fotos de momentos a dois com personagens de videogames de namoroDepois que um japonês resolveu se casar – de papel passado – com a personagem de um videogame chamado “Love Plus”, outros enamorados das meninas virtuais decidiram mostrar que também são dedicados e celebraram Natal e Ano Novo diante das telas de computador. O ritual ganhou dimensão porque vários “namorados” postaram suas fotos na rede para mostrar a ceia de final de ano.
A prática transformou-se em “febre” na internet e espera-se que nos próximos meses mais fotos de românticos “momentos a dois” apareçam na rede – Dia dos Namorados, aniversário de namoro e, quem sabe, até uma “saída” com amigos.
O mais interessante é que os atenciosos namorados se prestaram não apenas a celebrar a virada do ano, como também armaram ceia, com direito às bebidas e comidas favoritas das meninas 2D. Os japoneses normalmente comemoram o Natal com uma refeição que inclui frango e um bolo, como mostram bem as fotos postadas na rede.

Segundo um site japonês, a tendência é mais uma competição entre os “namorados” para ver quem é o mais atencioso. Houve gente que enviou cartão de Natal, com direito a foto ao lado da namorada virtual. O que pode vir depois? Fotos da lua de mel?
Ceias de Natal e Ano Novo com namoradas virtuais: frango e bolo para dividir com as meninas 2D

Eyshila - Até tocar o céu

Clipe da nova música da Eyshila, Até tocar o céu, faixa título do CD.


Fiel a mim - Eyshila

Hinos e músicas evangelicas com a letra


conquistando o impossível

Fala comigo

Hinos evangelicos

HinoCCB avulso - aos seus pés (itape e banca)

danielzinho e elaine
CCB HINO AVULSO

Cascatinha & Inhana "Meu Primeiro Amor"

Cascatinha & Inhana em cena de um especial na TV Cultura, nos anos 70, cantando seu grande sucesso "Meu Primeiro Amor" de Jimenez, Fortuna e Pinheirinho.


Cascatinha e Inhana - India

Cascatinha e Inhana no Programa Viola, Minha Viola em 1980 na Rede Cultura
Cascatinha Inhana india Programa Viola Minha Tv Cultura

Hino CCB - avulso "MESTRE". -

hino avulso ccb cabreuva

Hino Avulso 04 - Meninos de Itape, Sampa e Bauru.

hinos avulsos ccb jeferson mauricio ana dias itapetininga bauru

Karaoke: Get in tune with your inner rock star - By Michael Hogan - telegraph.co.uk/health


Michael Hogan has 10 top tips for hitting the right note with the karaoke crowd .

By Michael Hogan
Published: 7:00AM BST 11 Jun 2010

Life and soul: the stars of Sex and the City 2 find their inner diva Photo: FILM STILLS

Love it, loathe it or like to make it illegal, karaoke is inescapable. It pops up at weddings, parties, bar mitzvahs. It’s become an essential part of the office outing or hen weekend. And now there’s a new breed of karaoke bar serving cocktails to stylish crooners. Karaoke tents are also being pitched at most of the summer festivals. There’s even an initiative to teach it in primary schools backed by Lord Lloyd Webber.

Celebrities are equally susceptible. In the past few weeks, Sir Elton John and Kate Moss hosted a charity karaoke bash at Ronnie Scott’s, Andy Murray performed the Jackson 5’s I Want You Back at the French Open and the centrepiece of comedian David Walliams’s stag party was Bond-themed karaoke. Carrie Bradshaw & Co come over all sisterly belting out I Am Woman in Sex & The City 2. And what are TV talent shows and hit import Glee if not glorified karaoke?

Invented by the Japanese, karaoke means “empty orchestra” – not, as many might suspect, “drunkenly tone-deaf”. Why have we Brits fallen for it? Well, we’ve always loved a singalong, especially after a few refreshments. Now technology means we don’t need to gather around a piano.

Karaoke is hilarious and brings out the secret show-off in us all. It’s also liberating, life-affirming and highly addictive.

But there are few things worse than bad karaoke – in fact, it was recently voted the most annoying holiday habit, after reserving sun loungers. So how to be a triumphant hit rather than a tuneless miss? Follow these 10 steps to singing success:

1 Pick a crowd-pleaser

When selecting your song, think about the people in the room. Will they know and appreciate it? You want the opening bars to be greeted with a ripple of recognition, then a chorus with which they can join in. It’ll become you leading a singalong, rather than serenading a silent crowd. So nothing too obscure or personal. Anthemic and popular is best.

2 Check it’s in your vocal range

Make sure your voice can comfortably handle all the notes without straining. Unless you’re an undiscovered diva, women should avoid big-lunged warblers like Mariah, Celine and Whitney. Men should be careful with Queen, Simon & Garfunkel, U2, metal and rap. Look instead for relatively easy mid-range singers. For her: Dusty, Madonna, Abba, Spice Girls. For him: Beatles, Stones, Neil Diamond, Kinks, Tom Jones, an uptempo Elvis or Sinatra.

3 Check it’s not too long

Stick to classic pop songs of three to four minutes duration. American Pie, Bohemian Rhapsody, Tiny Dancer and Hey Jude might be tempting, but they go on for ages. On stage, that feels even longer.

4 Know it inside out

You’d be surprised by the number of karaoke novices who only know the chorus. Cue mumbling. Make sure you’re familiar with the verses and middle-eight (the change of gear that often comes two-thirds of the way through).

5 Practice makes perfect

Rehearsing at home is easy these days, with games like SingStar, and the internet. Or simply sing along to the CD. After checking the house is empty and the windows are closed.

6 Get in there quick

On the night, try to sing a song fairly early during proceedings. The longer you wait, the more nervous you’ll get – and the higher the chance of someone nabbing your tune.

7 Three’s a crowd

It’s tempting, especially your first time, to take friends on stage. But it is best to sing solo or, at most, perform a duet. Gangs of three or more just shriek over each other and jostle for microphones.

8 Remember you’ve got a microphone

One of the worst crimes is shouting. It’s tuneless, anti-social and the true sign of an amateur. So don’t forget you’ve got a mic. Better to hold it close to your mouth and sing normally than hold it low and yell.

9 Play the crowd

The audience are there to be entertained, so get them onside. Ad-lib a comment, make eye contact, or dance. It radiates confidence and distracts from any vocal imperfections.

10 Enjoy yourself

Don’t forget this is supposed to be pleasure, not pure torture. Laugh at yourself and live out your fantasies. No matter how good or bad you are, if you’re having fun it’s infectious.

Five great places to do karaoke

  • Lucky Voice, London and Brighton. Founded by Martha Lane Fox and the big name in ”poshaoke”, meaning nibbles, cocktails and private rooms. Three venues in Soho, Islington and Brighton (luckyvoice.com)
  • Tiger Tiger, Cardiff and Manchester. Both these branches of this lively (read lairy) bar chain feature private karaoke rooms, franchised by Lucky Voice (tigertiger.co.uk)
  • Pad Thai Restaurant and Karaoke Bar, Birmingham. A Thai diner with private karaoke rooms. Karaoke also kicks off in the main lounge after 10.30pm (padthai.co.uk)
  • OK Karaoke, Leeds. Hi-tech bar boasting both a full-sized stage and private booths (okkaraoke.co.uk)
  • L’Amore d’Italia, Edinburgh. Hospitable pizzeria with side portions of karaoke (lamoreditalia.co.uk)

* Jobs * Dating * Subscriber * Offers * Technology News * Technology Reviews * Technology Topics * Technology Advic

Google's homepage now features a background photo, as pioneered by Microsoft's rival search engine, Bing

By Matt Warman, Consumer Technology Editor
Published: 1:12PM BST 10 Jun 2010

Microsoft executives said they are 'flattered' by Google's new-look homepage, which features a background photo, just like Bing Photo: Google/Dale Chihuly

Although Microsoft has said it will not officially comment on the changes to Google's home page, which now sees a background picture appear behind the search box, some senior executives have referred to the new design on social networking sites.

"Imitation, however pale, is the sincerest form of flattery," said Ashley Highfield, managing director of Microsoft's consumer division in the UK, on his Twitter page. "A certain search engine has put up the same picture of tulip fields used on Bing long ago.

"How intriguing to see friends at Google borrowing the Bing homepage photography idea," tweeted Peter Bale, executive producer of the MSN UK network.

Microsoft's Bing homepage, which features a different background photo every day, won plaudits from users and technology experts. Every picture featured provides a link through to a relevant search page, as well as "hot spots" that, when clicked on, provide additional information about the image. It's proved a hit with school teachers, in particular, with many using the Bing homepage as a discussion point at the start of the day's lessons.

Google rolled out the search personalisation feature in the UK this week, following an earlier successful launch in the United States. Users must have a Google account to adjust and personalise the background picture, which can be customised with a picture from a user's own photo library on their computer or the photo-sharing service Picasa, or chosen from a public Picasa gallery.

Marissa Mayer, vice-president of search products and user experience at Google, said the homepage provided a "whole new level of personalisation" for the site.

The new look is a significant change for Google, which has always prided itself on its uncluttered homepage, with the search box front and centre. Users who prefer the classic homepage can switch off the personalisation feature.

Doubt over Tory £6bn cuts plans - By Louisa Peacock - telegraph.co.uk/finance

The man behind the Conservatives' plan to cut £6bn of public spending this year has raised doubts over whether it will be possible to make the full savings as planned by next April.

By Louisa Peacock
Published: 6:00AM BST 11 Jun 2010

Sir Peter Gershon, who together with ex-Logica boss Martin Read, helped formulate the spending reductions which the coalition Government announced last month, warned that it would "take some time" to renegotiate contracts – one of the biggest elements of the cuts. The Treasury has pledged to save some £1.7bn simply by renegotiating existing contracts with suppliers "including immediate negotiations to achieve cost reductions from the major suppliers to government".

But Sir Peter, the efficiency adviser who previously worked for advised Gordon Brown, warned that while some projects could be scrapped now – such as the ID cards – others would take longer. "The Government moratorium on IT projects, that can happen now. You get the savings," he said. However, he added: "Renewing contracts will clearly take some time. We will get some savings this year and some in the next year. Similarly, the review on projects, it will take time. The cost that will make will be in-year, but modest, but can make an important contribution in the spending review."

The warning, which comes less than two weeks before the emergency Budget, raises questions over the ease with which the Government will be able to make savings, and implies that the money will have to be found by cutting other services. David Cameron warned earlier this week that Britons would have to accept deep and painful cuts in public spending which would affect their lives. The warning represents an early note of caution about just how feasible it will be to cut spending without inflicting pain.

But Sir Peter denied reports that the £6.2bn cuts package, masterminded by David Laws before he resigned his Treasury post, would lead to 50,000 public sector job losses. He said: "There isn't that much that the Government has announced in the £6bn savings this year that should lead to large-scale redundancies."

The Prime Minister has refused to confirm the number of public sector jobs that could be cut, but said the "vast majority of the impact" on jobs would come from the Whitehall recruitment freeze, saving £120m. Other spending cuts, outlined by the Treasury, include a £600m cull on quangos, and £1.2bn savings from ending staff travel and consultancy spend.

According to the National Audit Office, the public sector spends £220bn a year procuring goods and services, which is about a third of all public spending.


There has been a growing expectation that he would conclude the shootings were unlawful after the inquiry heard evidence that those killed, who includ

A court in China has given a 22-year-old man a suspended jail sentence for selling his toddler son on the internet for 18,000 yuan (£1792).

Published: 7:00AM BST 11 Jun 2010

The man from the central province of Hubei sold his two-year-old son to a Beijing couple in April last year after advertising the child online, the Beijing Times reported.

The man, named only as Lu, sold the child after he split up with the boy’s mother and decided he did not have the time or money to raise him, the report said.

But after regretting the sale and reuniting with the mother, Lu in June last year accused the Beijing couple of child trafficking and demanded the police return the boy to him when they refused to surrender custody.

Following an investigation and trial, the Beijing court convicted Lu of abandoning his child and meted out a six-month suspended sentence with one year of probation.

The Beijing couple were found not to have committed any wrongdoing, as Lu had admitted he lacked the means to raise the child and they were willing to raise it, it said.

Judicial authorities ordered the child be returned to Lu, while the 18,000 yuan was confiscated by the court, it said.

Bloody Sunday inquiry 'to rule killings unlawful' - By John Bingham - telegraph.co.uk/news

The official inquiry into the deaths of 13 protesters shot dead by British soldiers on Bloody Sunday will conclude that several of them were unlawfully killed, it was claimed last night.

By John Bingham
Published: 6:30AM BST 11 Jun 2010

Lord Saville’s long-awaited verdict on the killings in Londonderry in 1972 could pave the way for former soldiers who fired into the crowd of protesters to be prosecuted for murder or manslaughter.

The conclusions of the £191 million public inquiry set up by Tony Blair in 1998 in an effort to kickstart the Northern Ireland peace process will finally be announced on Tuesday.

There has been a growing expectation that he would conclude the shootings were unlawful after the inquiry heard evidence that those killed, who included seven teenagers, were unarmed.

But the contents of the report, which was completed several weeks ago, have been a closely guarded secret and strict measures have been put in place so that even relatives of the dead will only be told the contents a few hours before publication.

Nevetheless last night The Guardian newspaper reported sources familiar with the report’s contents had disclosed that Lord Saville would indeed describe some of the killings as unlawful.

It is understood that he will not explicitly recommend prosecutions but leave it to Northern Ireland’s Public Prosecution Service, equivalent to the CPS, to decide.

Lawyers for the families have indicated in recent days that even if the Province’s Director of Public Prosecutions rules against bringing charges they would pursue private prosecution.

One unionist politician last night described Lord Saville’s reported findings as a “hand grenade with the pin pulled out that is about to be tossed into the lap of the PPS”.

It was also disclosed last night that Lord Trimble, the former Northern Ireland First Minister, warned Tony Blair at the time that setting up a new inquiry ran the risk of “soldiers in the dock”.

A total of 27 protesters were shot, 13 of them fatally, by members of the Parachute Regiment in a disastrous operation to maintain order during a march against the internment of paramilitary suspects without trial on Jan 30, 1972.

A fourteenth man died from his injuries later.

The killings proved to be a pivotal moment in the Troubles and have long been characterised as a major “recruiting sergeant” for the Provisional IRA.

A 1972 inquiry by Lord Widgery, then the Lord Chief Justice, concluded that the soldiers' actions “bordered on the reckless” but exonerated them of blame.

It concluded that they opened fire only after themselves being shot at by IRA snipers in the crowd.

Crucially, Lord Widgery accepted a now discredited forensic conclusion that lead deposits detected on the hands or clothing of some of the dead suggested that they had handled firearms.

Scientific advances have since shown that the deposits could have been left by exposure to car exhaust fumes and other common substances.

The report was dismissed as a “whitewash” in Londonderry and families of the dead staged a long campaign for a new inquiry.

Lord Trimble is understood to have warned Mr Blair that any conclusion which departed “one millimetre” from Lord Widgery’s findings would lead to soldiers being prosecuted for their actions almost 40 years ago.

The Army has since accepted that those killed were unarmed and the inquiry heard from soldiers who admitted shooting people dead that day.

One former paratrooper, known as “soldier F”, accepted that he had shot at least four of those who died.

Those who gave evidence, including both former soldiers and paramilitaries, were given legal protection against being prosecuted should they incriminate themselves in the witnesss box.

But the assurances do not amount to full immunity and they could still be prosecuted if there is sufficient evidence from other sources.

Gulf of Mexico BP oil spill: Nick Clegg warns Barack Obama over 'megaphone diplomacy' - By Fiona Govan in Madrid - telegraph.co.uk/finance

Nick Clegg today warned that the BP disaster threatened to descend into “megaphone diplomacy” following Barack Obama’s fierce criticism of the British company.

By Fiona Govan in Madrid
Published: 11:15AM BST 11 Jun 2010

In a thinly veiled attack on the US President – who earlier this week said he was looking for “some ass to kick over the disaster” – the Deputy Prime Minister argued that a “tit for tat” attitude was not helpful.

But Mr Clegg stopped short of voicing support for the British company, which has seen billions of pounds wiped off its share value since the leak in the Gulf of Mexico.

“I’m not going to start intervening in a debate which clearly risks descending into megaphone diplomacy,” Mr Clegg told an audience at the Nueva Economic Forum in Madrid on Friday morning.

“I think everyone is united on both sides of Atlantic obviously, quite rightly, and understandably within US administration and I’m sure within BP itself, to deal with this problem. It is an ecological catastrophe – It does need to be dealt with."

Nick Clegg made the comments when asked for his response to President Obama's call for the sacking of BP chief executive Tony Hayward.

“I don’t frankly think we will reach a solution to stopping release of oil into the ocean any quicker by allowing this to spiral into a tit for tat political diplomatic spat,” he said.

“So I and whole of the British government want to play our role, as much as we can, our constructive role to find a solution to what is a huge environmental disaster.”

BP’s share price has almost halved in the wake of American criticism, wiping nearly £50 billion off its value, with damaging consequences for British pension funds.

The company is responsible for almost one in every seven pounds of dividends paid to British pension pots.

Mr Clegg was in the Spanish capital to deliver a speech to the Nueva Economia Forum, at which he urged the rest of Europe to follow Britain's example by taking immediate action to slash "unsustainable" government deficits.

The Deputy Prime Minister also insisted it would be "naive" and "irresponsible" to try to wait until economic recovery is entrenched.

Especial Dia dos Namorados - Valentinstag 2010 - 14. Februar 2010 in Deutschland






Valentinstag 2010
14. Februar 2010 in Deutschland

Der Valentinstag (am 14. Februar des Jahres) gilt in einigen Ländern als Tag der Liebenden. An Popularität gewann er durch den Handel mit Blumen, besonders jedoch durch die umfangreiche Werbung der Floristen. In Kontinentaleuropa handelt es sich um einen primär kommerziellen Anlass und kann als Globalisierungsphänomen betrachtet werden. Er wird mit traditionellem Brauchtum verbrämt, ähnlich dem in den neunziger Jahren populär gewordenen und über die USA aus Irland importierten Halloween. Der Name des Tages wird heute zumeist auf die Sage des Bischofs Valentin von Terni zurückgeführt.

Seit dem 15. Jahrhundert werden in England Valentinspaare gebildet, die sich kleine Geschenke oder Gedichte schicken. Die Verbindung mit Blumengeschenken könnte auf die Gattin des Dichters Samuel Pepys zurückgehen, die 1667 mit einem Blumenstrauß auf Pepys' Liebesbrief reagierte. Von da an wurde die Verbindung von Brief und Blumen in der noblen britischen Gesellschaft nachgeahmt. Englische Auswanderer nahmen den Valentinsbrauch mit in die „Neue Welt“ (USA) – und so kam durch US-Soldaten nach dem Zweiten Weltkrieg dieser Brauch nach Deutschland; 1950 veranstaltete man in Nürnberg den ersten "Valentinsball"; der Valentinstag wurde offiziell eingeführt. Richtig bekannt wurde er durch die dann einsetzende starke Werbung der Floristen und Süßwarenindustrie. Mittlerweile erfreut sich dieser Tag auch in der Volksrepublik China bei jungen, am westlichen Lebensstil ausgerichteten Chinesen zunehmender Beliebtheit.

Sicher ist aber, dass die ungeheure Popularität des Datums im angelsächsischen Bereich auf ein Gedicht von Geoffrey Chaucer, "Parlament der Vögel" (Parlement of Foul(e/y)s) zurückzuführen ist, das vermutlich aus Anlass einer Valentinsfeier am Hof Königs Richard II. 1383 fertig gestellt und erstmals öffentlich vorgetragen wurde. In diesem Gedicht wird dargestellt, wie sich die Vögel zu eben diesem Feiertag um die Göttin Natur versammeln, damit ein jedes einen Partner finde. In westslawischen und ostdeutschen Gebieten fällt in die Zeit um den Valentinstag das Fest der so genannten Vogelhochzeit. Dazu gehört das Volkslied "Die Vogelhochzeit" ("Ein Vogel wollte Hochzeit machen ..."). (Quelle: Wikipedia, Lizenz: GNU FDL)

Geschichte des Valentinstag

Viele Quellen erklären, dass die amerikanischen Soldaten, die nach 1945 in Deutschand stationiert waren, den Valentinstag hierzulande populär gemacht haben. Wir glauben das gern, allerdings haben wir bisher noch keinen Zeitzeugen – oder besser gesagt, keine Zeitzeugin – getroffen, die uns das bestätigen könnte. Daher ergeht hiermit der Aufruf, an alle, die in der Vergangenheit ein schönes Valentinstagserlebnis hatten – das vielleicht sogar beweist, dass die Amerikaner uns den Valentinstag beschert haben – schreiben Sie uns doch Ihre Geschichte. Wir freuen uns darauf.

Doch wie kam der Valentinstag in die USA? Der Name hört sich nicht nach einem indianischen Brauchtum an, das von den europäischen Siedlern übernommen wurde. Vielmehr wurde der Brauch, sich gegenseitig mit kleinen Beweisen der Liebe zu beschenken, von den Siedlern, speziell von denen aus England, in die Neue Welt mitgenommen und dort weiterhin gepflegt.


Valentinstag in Europa
Tatsächlich war der Valentinstag im alten Europa bereits bekannt und wurde schon lange vor der Entdeckung Amerikas traditionell begangen. Wann es genau anfing, darüber gibt es viele Theorien: Von schmachtenden französischen Herzögen im Tower von London, über Chaucers Vogelhochzeit bis hin zu liebessehnsüchtigen englischen Schriftstellern.. wir wissen es nicht genau. Einige vermuten, dass der 14. Februar irgendwann absichtlich als Fest der Liebenden ausgewählt wurde, da es im Festtagskalender der katholischen Kirche der Ehrentag des Heiligen Valentin war.

St. Valentin und das alte Rom
Über Valentin wissen wir, dass er in der Zeit des Römischen Reiches Bischof von Terni war, einer kleinen Stadt in Mittelitalien in der Nähe von Rom, die zum Valentinstag sicherlich auch ein schönes Ausflugsziel ist. Valentin verheiratete junge Paare und schenkte ihnen Blumen als Glücksbringer für eine glückliche Ehe. Er traute auch heimlich Soldaten gegen das Verbot des damaligen Kaisers Claudius II., der den jungen Männern die Eheschliessung verboten hatte. Als Valentins Verstoss gegen das Verbot dem Kaiser bekannt wurde, liess er ihn am 14. Februar 269 hinrichten. Seitdem gilt dieser Tag als sein Gedenktag und St. Valentin als Beschützer junger, frisch verheirateter Paare.

Aber auch im vorchristlichen Rom gab es zur Frühlingszeit ein Fest der Verliebten, das ebenfalls Mitte Februar auf verschiedene weise gefeiert wurde: die Lupercalia. Das Fest hat seinen Ursprung in der sagenhaften Gründung Roms und war spter ein Festtag, an dem Juno, der Gottin der Ehe und Familie, geopfert wurde und an dem Frauen und Mädchen mit Blumen beschenkt wurden. Das Schenken von Blumen war bereits im alten Rom bekannt.

Der Valentistag kann also auf eine lange Geschichte und Tradition zurückblicken. Der Tag ist also keine Erfindung der Neuzeit oder Blumenverkäufer sondern eher der Tag, der neu erwachenden Frühlingsgefühle und Besinnung auf Liebe und Glück.

Ideia para o dia dos namorados

a onblur="try {parent.deselectBloggerImageGracefully();} catch(e) {}" href="http://2.bp.blogspot.com/_nqxO_TBjESQ/S3WM-rZEXEI/AAAAAAAADfE/s2VfAcwau2Y/s1600-h/na.JPG">


Ideia para o dia dos namorados ...
Sabado é dia dos namorados ...
Temos que correr e fazer uma surpresa pro nosso love ...
Achei essa ideia no blog http://macariscada.blogspot.com/ muito criativa ....
E como ela mesmo diz:


ofereça flores... de pano ou de papel... porque estas não secam nem morrem!


meine Liebe ........

Você vai amar os vegetais - Alimentos saudaveis - Bem Estar - Saúde em Dia

Pare de torcer o nariz. Os aliados da saúde podem ser mais atraentes do que você imagina. Veja nossas receitinhas deliciosas (e fáceis de preparar)! - Alimentos que emagrecem

Solange Frazão em Forma - Boa Forma

Tempo bom que não volta mais, quem tiver vídeos dessa época vamos compartilhar galera. Abraço

8 motivos para se mexer

Está difícil encarar a malhação? O consultor de fitness Almeris Armiliato dá oito motivos para você amar a malhação - Caminhada seca-barriga http://boaforma.abril.com.b... - Turbine seu treino


Quem é você de VERDADE?




http://bonsfluidos.abril.com.br

Quem é você de VERDADE?
Dentro de cada uma de nós existe uma semente adormecida que carrega nossa verdadeira essência. Despertá-la é o caminho mais seguro para sermos felizes e realizadas em todos os aspectos da vida.

Eu não desenvolvo, sou.” A frase, dita pelo mestre da pintura Pablo Picasso, pode parecer um pouco pretensiosa à primeira vista. Mas, para o psicólogo americano James Hillman, reconhecido internacionalmente por suas pesquisas em psicologia analítica, corrente baseada nos estudos de Carl Gustav Jung, ela ilustra perfeitamente a ideia de que todas nós temos, em nosso interior, um gênio a ser despertado. Que fique claro: não estamos falando de uma super-heroína com capacidades extraordinárias, e sim de dons inatos que precisam ser identificados e desenvolvidos ao longo da vida para que encontremos nossa real vocação.

As palavras de Hillman, autor de O Código do Ser – Uma Busca do Caráter e da Vocação Pessoal (ed. Objetiva), traduzem a essência do seu trabalho, tão bem talhada na teoria da Semente do Carvalho. Segundo ela, da mesma maneira que a totalidade de um imenso carvalho está contida em sua pequena semente, o ser humano traz em si as potencialidades do que pode vir a ser. Também chamado de vocação, destino, caráter ou imagem inata, esse caldo de características é o que determina nossa singularidade e, de acordo com o autor, já está presente antes mesmo do nascimento.

“Mais cedo ou mais tarde alguma ‘coisa’ parece nos chamar para um caminho específico. Essa ‘coisa’ pode ser lembrada como um momento marcante da infância, quando uma urgência inexplicável, um fascínio, uma estranha reviravolta dos acontecimentos teve a força de uma anunciação: isso é o que eu devo fazer, isso é o que eu preciso ter. Isso é o que eu sou”, explica o autor.

O tal chamado, ou dedo do destino, de acordo com Hillman, vai além das características genéticas ou da influência do meio. É um mistério que nos leva a buscar a trama básica de nossa história. Para explicar sua teoria, o autor se baseia no Mito de Er, descrito por Platão em A República, no qual relata que nossa alma, antes mesmo de nascer, recebe um daimon (espírito ou anjo), que determina uma imagem ou um padrão a ser vivido por cada um de nós. Quando chegamos à Terra, esquecemos de tudo, mas o daimon nos lembra, pois ele é o portador de nosso destino.

Reconhecer o tal chamado, afirma o psicólogo, é primordial para a existência humana e conseguir alinhar a vida a ele é a melhor maneira de encontrar a felicidade. “O chamado pode ser adiado, mas com o tempo ele aparece, pois o daimon nunca vai embora”, afirma.

“Hillman preconiza a existência de algo que antecede e determina até mesmo qual óvulo será fecundado por qual espermatozoide, em determinado casal. Em outras palavras, quando nascemos, já trazemos a possibilidade de nos tornarmos nós mesmas. E a vida dará todos os sinais para que a individuação aconteça”, explica a psicóloga junguiana Sâmara Jorge, de São Paulo. “A forma como trilharemos esse caminho dependerá das experiências vividas, tanto interna, quanto externamente. É um processo em constante movimento e transformação”, ela diz.

De acordo com os seguidores de sua teoria, é na infância que os primeiros sinais da vocação aparecem. “Competente é aquele que faz o que lhe compete. Alguns têm o dom da música, outros são líderes natos ou ótimos leitores. Não existe alguém que não saiba fazer nada e já vemos isso na criança. Se formos capazes de dar os estímulos certos, o ‘gênio’ irá florescer”, afirma a terapeuta Lúcia Rosenberg, de São Paulo, responsável pela revisão técnica do livro. “Nesse sentido, a família, a escola, os valores e a cultura interferem, pois, se a semente é plantada em solo árido, ela não germina.”

Como saber se estamos no caminho certo?
Para Sâmara, encontrar a si mesma nesse emaranhado de influências é um processo natural, e não uma escolha. “Há pessoas que têm maior facilidade para permitir que sua essência se manifeste. Mas o processo de desenvolvimento da individualidade torna-se mais difícil quando não somos capazes de perceber os sinais que a vida nos dá e perdemos a conexão com nosso universo interno. Assim, se tudo se tornou muito difícil e nada parece dar certo, pode ser um sinal de que nos desviamos do caminho”, explica.

Em uma cultura como a nossa, se desviar do caminho tende a ser uma regra, e não uma exceção. O coquetel de influências que recebemos da família, dos amigos, dos professores, das crenças religiosas, de uma sociedade que valoriza extremamente o ter em detrimento do ser, enfim, de tudo que nos rodeia, é poderoso para obstruir o desenvolvimento pleno da semente que carregamos dentro de nós. “Essas influências podem gerar sentimentos de culpa, mágoa, insegurança, baixa autoestima, elementos que dificultam o desabrochar da verdadeira essência de cada um”, afirma o psicólogo Waldemar Magaldi Filho, de São Paulo, especialista em psicologia analítica e psicossomática.

No meio de tantos obstáculos, corremos o risco de nos tornarmos pessoas alheias aos nossos desejos mais verdadeiros e totalmente enquadradas em padrões sociais em que a diferenciação é carta fora do baralho. Assim, diante do novo, muita gente entra em crise e tende a negar sua própria vocação, pelo medo do que está por vir. “Esse movimento de defesa é comum e é a maior causa de transtornos psicossomáticos e doenças de toda a natureza”, explica Magaldi.

A dificuldade de encontrar a si mesma pode se manifestar por meio de diferentes sintomas, como a compulsão e o consumismo. “Essa (compulsão) é a principal razão que leva as pessoas a comprarem o que não precisam, com o dinheiro que ainda não possuem, para impressionar quem não conhecem e fingir ser o que não são. O autoengano é um grande opositor do autoconhecimento e o maior aliado dele é o medo da exclusão social”, continua Magaldi. Outro exemplo pode ser a dependência excessiva do que dita a moda, como forma de tentar se enquadrar no padrão vigente. “Na verdade, tudo o que fazemos para atender expectativas externas, coletivas ou familiares, para sermos aceitas sem levarmos em conta quais são nossos reais desejos, vontades, valores e conceitos pode ser considerado um sinal de que não estamos nos expressando verdadeiramente”, arremata a psicóloga Sâmara Jorge. O mais doloroso, porém, é quando o distanciamento de nós mesmas provoca uma angústia ou uma resignação que nos engessa. “Dá para sentir quando se está vivendo de forma resignada, quando é difícil encontrar ânimo para levantar da cama e ir para aquele emprego que não dá prazer, é entediante e nos deixa exauridas. Ou quando o relacionamento já não nos preenche e estamos dormindo ao lado de um estranho”, diz a terapeuta Lúcia Rosenberg, citando alguns exemplos.

Por onde começar a mudança
De acordo com a especialista, o primeiro passo para romper esse ciclo de insatisfação é tentar reconhecer a baixa sintonia com os próprios desejos. “Esconder um sentimento é aumentar sua força um milhão de vezes, diz o zen-budismo. Por isso, algumas pessoas insatisfeitas com sua vida se tornam amargas e, às vezes, até invejosas. Não é o sucesso do outro que gera inveja, mas essa paz de espírito que é alcançada por quem teve coragem de correr atrás de seu sonho e colher seu fruto maduro”, avalia.

Já para Magaldi, nesse momento é importante perguntarse: quem eu sou de fato? Qual o sentido da minha vida? Estou servindo a quê? Das coisas que me ocupam, o que é meu e o que me foi imposto, consciente ou inconscientemente, pela sociedade, família e por crenças arcaicas? “É muito doloroso encarar os defeitos e as imperfeições. O aprimoramento é uma tarefa contínua e exige autoaceitação, sem a qual não pode haver autoestima, segurança e amor-próprio”, diz.

Outras questões a serem levantadas, de acordo com Sâmara, estão relacionadas ao que se busca realizar: quais são meus reais desejos, sonhos, fantasias, vontades? O que estou fazendo para que a vida caminhe? É hora de olhar para dentro de si e descobrir não apenas suas próprias qualidades, mas os valores que estão pautando sua vida.

“Muitas pessoas, mesmo infelizes, sentem medo ou se recusam a fazer as mudanças necessárias. Isso porque, apesar do sofrimento, há um certo conforto em viver no que já conhecemos. A vida pressupõe movimento, mudanças e revisões, portanto, resistir às mudanças é impedir o seu fluxo e, consequentemente, o processo de tornar-se você mesma”,

diz. Você pode imaginar que, diante do caos urbano e do mundo globalizado, que exigem cada vez mais rapidez e segurança, fazer um balanço da vida é nadar contra a maré. Mas, na opinião dos especialistas, buscar sua verdadeira essência é a melhor maneira de sobreviver às pressões.

Conhecer-se para encontrar-se
Segundo Lúcia Rosenberg, quando alguém encontra seu caminho na vida é como se florescesse. “Quanto mais perto a pessoa estiver de sua alma, mais feliz e realizada ela será, porque terá desenvolvido toda sua alegria e criatividade. É preciso ter muita humildade e coragem para conhecer-se e mudar o que não está bom. Seguro é quem lida bem com suas inseguranças. Quando você conhece seus defeitos e limites, não fica confinada a eles”, diz.

Agora, você deve estar se perguntando como empreender uma transformação desse porte. Afinal, falar é uma coisa, mudar de verdade é outra totalmente diferente. Uma das maneiras de trilhar o caminho, às vezes tortuoso, do autoconhecimento é fazendo terapia: “Quem busca a análise não quer modificar-se, mas tornar-se quem é de fato para ser feliz”, afirma a psicóloga.

Existem outras formas de autoconhecimento, é claro. Porém, o ponto de partida para essa viagem rumo ao desconhecido é a percepção de que algo novo dentro de você deseja germinar e dar frutos, com sabores até então desconhecidos.

AMBIENTES - 11 modelos de beliches e bicamas - Casa Abril

http://casa.abril.com.br



AMBIENTES
11 modelos de beliches e bicamas

Beliches e bicamas são ótimas opções para aproveitar o espaço em ambientes pequenos. Nos quartos de crianças e adolescentes, eles proporcionam uma atmosfera lúdica e criativa. Escolhemos 11 modelos (tudo com preço!) para quem está pensando em adquirir uma dessas peças. Se você quer ter ideias de como decorar um quarto pequeno, conheça estas 19 ideias de decoração para espaços com beliches e bicamas.

*Preços consultados em fevereiro de 2010

Por Vanessa D’Amaro




O beliche “Cantinho do Luau”, que tem um design descolado, é ideal para as crianças que ainda não cresceram, mas que já querem um espaço próprio. Este beliche, feito de mdf, possui seis prateleiras, duas portas e uma escada. Custa R$ 728,65 nas lojas KD Móveis.




Ideal para um quarto jovem e adolescente, este conjunto tem um beliche e uma bicama, com espaço para três pessoas. Feito de mdf, o conjunto tem nove prateleiras, porta-cd e espaço para teclado e CPU do computador. Sai por R$ 1.195,10 nas lojas KD Móveis.






Feita de mdf, esta bicama tem um baú auxiliar móvel com lastros de madeira. A estante é lateral e as gavetas são deslizantes. Sai por R$ 347,70 nas lojas KD Móveis.




Neste beliche, todo feito de madeira, da loja Quartos & Etc, as duas peças são independentes – o que permite que o cliente componha o conjunto da forma mais adequada. A cama da parte inferior, que tem acabamento em pintura branca, sai por R$ 4.185. A peça de cima, cuja medida é 0,90 x 1,90 m, custa R$ 10.220.





O beliche Moju da loja Etna é feito de mdf e revestido de laca branca. Sai por R$ 1.239,90.



As peças do beliche Coiote, feitas de mdf, são vendidas separadamente na loja Etna. A cama superior sai por R$ 1.379,90. A peça inferior custa R$ 519,90. O estrado da cama inferior é de madeira pinus.



Feita de mdf, esta bicama tem rodízios de plástico, que facilitam a movimentação. Custa R$ 389 no Magazine Luiza.



Fazem parte desta peça, feita em mdp (medium density particleboard), um beliche e uma bicama (que aparece no gavetão embaixo da cama inferior). O módulo tem uma porta de armário, cinco gavetas com puxadores de plástico. Custa R$ 618 nas Casas Bahia.

Especial Dia dos Namorados - Receitas - FONDUE 3 QUEIJOS COM VERDURAS



Minhas amigas ...
Neste friozinho que tá fazendo aqui em Innsbruck ...
Essa receita é perfeita para o Especial Dia dos Namorados ...
Juntinhos hummmmmmmmmmmmmmm
Perfeitoooooo!!!!!!
Nao percam tempo ....
Vao logo comprar os ingredientes ....
Para deixar tudo preparado ...
Com coracoes, cartoes, muito perfume ...
E romance ..... hummmmm
A conbinacao perfeita
Milhoes de beijinhos e muito , mas muitooooooooo amor pra vcs
Lili


FONDUE 3 QUEIJOS COM VERDURAS


fonte: http://www.cucchiaiopieno.com

Ingredientes para 6 pessoas

500 gr queijo tipo fontina (ou outro queijo nacional próprio para fondue)
350 gr de queijo formaggella levemente curada
(se não encontrar os dois queijos acima, substitua-os por 400 g de queijo emmenthal e 450 g de queijo gruyère)
350 ml de leite
50 gr queijo parmesão ralado
35 gr de farinha de trigo
35 ml de vinho branco seco
3 gemas
sal e pimenta do reino branca

Para acompanhar: legume, da estação, cozidos (brócolis, erva-doce, abobrinha, couve-flor)
Croutons (usei pão integral caseiro, cortei em fatias e levei ao forno para secar um pouco).
Modo de preparo
Corte o fontina e a formaggella em cubinhos e coloque em uma panela de parede grossa, ferro ou alumínio fundo. Acrescente a farinha de trigo (peneirada), previamente misturada com o vinho. Em seguida, adicione o leite frio e leve ao fogo médio até que todo o queijo esteja completamente derretido. Em seguida, adicione o parmesão ralado, as gemas, uma pitada de sal e uma pitada de pimenta.
Distribua o fondue em 6 taças individuais e sirva imediatamente, bem quente, acompanhado com legumes cozidos e com os croutons ou com pão caseiro levado ao forno. (Não coloquei em taças, mas no meu aparelho para fondue).

Tachas, correntes, franjas, couros e brilho garantem o espírito sexy e poderoso da temporada.

http://elle.abril.com.br

Vestido de peso
Tachas, correntes, franjas, couros e brilho garantem o espírito sexy e poderoso da temporada.

Vestido de algodão e tachas, Giuliana Romano, R$ 1 036.
* Preço pesquisado em fevereiro de 2010





Braceletes: de metal, Rose Benedetti,
R$ 90. De metal, Le Lis Blanc, R$ 20.
Com tachas, Vania Nielsen (no Conceito Showroom), R$ 315. De metal, Le Lis Blanc, R$ 30.
* Preço pesquisado em fevereiro de 2010





Echarpe de couro, Patricia Motta,
R$ 1 113.
* Preço pesquisado em fevereiro de 2010






Colete de algodão e tachas, Juliana Jabour, R$ 1 713.
* Preço pesquisado em fevereiro de 2010




Sandália de píton, Studio TMLS, R$ 465.
* Preço pesquisado em fevereiro de 2010




Colar de metal, R$ 300, e de correntes, R$ 325, ambos Vania Nielsen (no Conceito Showroom).
* Preço pesquisado em fevereiro de 2010


Programas de TV e Revistas

www.mulher.com www.a12.com/sabordevida www.atelienatv.com.br www.tvseculo21.com.br www.programaartebrasil.com.br www.pgmvidamelhor.com.br www.tvartesanatosemstress.com.br http://manequim.abril.com.br http://www.pingouin.com.br http://www.etsy.com http://www.portaldeartesanato.com.br www.netfontes.com.br http://www.florbras.com.br (miniaturas) http://www.crismimo.com.br (latinhas, bisnagas, tercinhos) http://www.dinaarmarinhos.com.br (feltro e tecidos de pelucia) http://www.tecidosecrafts.com.br (botoes e aviamentos) http://www.clickfios.com.br (feltro e aviamentos e las) http://www.ganapresentes.com.br http://www.quianestore.com ( botoes) http://loja.mixcriativo.com.br (aviamentos) http://imagensdecoupage.blogspot.com.br/ http://www.soisopor.com.br (onde comprar isopor) http://loja.pontodoscrap.com.br (onde comprar meia perola) http://www.luanenfeites.com.br (artigo para festas) http://www.formasparachocolate.com.br (artigo para festas) http://www.doceart.com.br (artigos para festas) http://www.barradoce.com.br ( artigo para festas cortadores) http://www.proplastik.com.br (artigo para festas) https://www.digitalupserver01.com.br (artigo para festa) http://www.lojatiamarlene.com.br (artigos para festa) http://blog.creativstemplates.com(imprimir temas) http://fazendoaminhafesta.blogspot.com.br (temas para imprimir) http://www.bebruarts.com.br (mini frascos de vidros, armarinho) http://www.atacadaodoartesanato.com.br (miniatura) http://www.bibibrindes.com (miniaturas) www.a25decorfestas.com.br http://www.matsumotovirtual.com.br http://www.mundopoa.com.br http://www.domnet.com.br http://www.novapauli.com.br

Amo Vcs!!!! Love!!!! Liebe!!!!!!!

Blogs que amo visitar

Gesamtzahl der Seitenaufrufe

Postagens populares

Armazem do EVA

Aslan